Montanhismo Paranaense, quem fez e de quem pouco se fala - II

Montanhismo Paranaense, quem fez e de quem pouco se fala - II
 
   Hoje vamos retomar a história do Montanhismo Paranaense da década de 80, periodo este que marcou a introdução da Escalada Livre no Brasil. Quando eu fiz o meu primeiro Curso Básico de Montahismo em 1979, ele já era Guia e sempre respeitado e considerado por todos, pois acima de tudo tinha um perfil de escalador Companheiro.
   O Clube Paranaense de Montanhismo (CPM) naquela época não tinha mais do que uma dúzia de Sócios e foi ele como Presidente daquela associação, junto com os companheiros da época, que batalharam e conseguiram algumas  melhorias, entre elas da Sede no Marumby, a instalação do Clube no Centro de Curitiba e também um quadro com aproximadamente 300 sócios.
   Fatos sociais à parte, a verdade é que ELE sempre foi um bom escalador, ajudou na abertura de novas vias e também teve seus  momentos de conquistas, mas acho que conquistar AMIGOS foi sempre seu grande trunfo.
Falo de quem? Tai a FOTO:
 
 
 
Antonio Carlos Schmal Moreira, o MANO.
 
   Pois é, o Maninho como sempre foi conhecido entre os Montanhistas, deu sim sua grande colaboração para evolução do esporte e assim como outros colegas da década de 80, viveu e vive até hoje sua paixão pelas Montanhas.
 
Abraços a Todos,
 
JN.
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BIG 500 2016 - Mais de 6000 metros em Rocha Escalados em 60 Dias no Morro do Anhangava!

Ao contrário do que muitos pensam, as crianças vão poder Pedalar, Caminhar e Escalar neste final de semana, mas tem que chegar BEM CEDO no Anhangava para aproveitar!

Melhores Fotos de Esporte Aventura e Obras de Arte NO MORRO DO ANHANGAVA!